C. JOVEM na Mostratec e MCTEA

Projetos premiados pela Ciência Jovem participam de Feiras Internacionais do Pará e Rio Grande do Sul

Cinco projetos premiados na Ciência Jovem estão participando das edições remotas da Mostratec, do Rio Grande do Sul, e da MCTEA, do Pará. A Mostratec seguem até o próximo dia 11 e a MCTEA vai de 14 a 19. Na Feira gaúcha, a Ciência Jovem está presente com dois projetos premiados na 25ª edição, de 2019 dos quais dois são pernambucanos. Na paraense, são dois projetos premiados na 26ª edição, de 2020, um de Pernambuco e outro da Bahia. Confira:

NA MOSTRATEC: Acesse aqui

Protótipo sustentável para dessalinização de água por destilação térmica – ETE Lucilo Ávila, Recife-Pernambuco
CATEGORIA: Desenvolvimento Tecnológico (1º lugar na 25ª CIÊNCIA JOVEM)
O projeto inclui um protótipo de dessalinizador de água composto de uma cúpula de vidro, uma base de madeira e plástico com tanque de evaporação e um canal de condensação.
ACESSE

Transformación del calor en electricidad para alimentar dispositivos móviles – Instituto Tecnológico de Acatlán de Osorio, México
CATEGORIA: Francis Dupuis (1º lugar na 25ª CIÊNCIA JOVEM)
O projeto desenvolveu um dispositivo capaz de transformar calor em eletricidade com dispositivos eletrônicos para alimentar equipamentos móveis de baixa potência.
ACESSE

Na MCTEA – Acesse aqui

O Mundo de/por Rafael Rocha – Uma Viagem pelos 4 cantos do Planeta: Escolinha Cantinho do Guri, Candeias-Bahia
CATEGORIA: Iniciação à Pesquisa (2º lugar na 26ª CIÊNCIA JOVEM)
Neste projeto, o pequeno Rafael listou algumas cidades e países do mundo que deseja conhecer; explorou esses lugares com o auxílio de um computador; pesquisou seus pontos turísticos, posição no globo, climatologia, demografia, cultura, fotos e mapas.

O ODS 14 e a Acidificação dos oceanos Como isso acontece na prática? – Escola Conecta, Recife-Pernambuco
CATEGORIA: Educação Especial (2º lugar na 26ª CIÊNCIA JOVEM)
O trabalho foi desenvolvido por um estudante do 7º ano do Ensino Fundamental, diagnosticado com o Transtorno do Espectro do Autista e uma estudante do 9º ano. Além da análise do documento Agenda 2030, foi realizado um experimento com ovo no vinagre e um experimento com fermentação e acidificação, seguidos da produção de uma Narrativa Transmídia.

Comentários estão fechados.