Portal Folha de PE

Ciência usada para construir o bem estar social

Espaço Ciência está com atividades no Dia Mundial da Ciência

Peu Ricardo

FAIXA branca foi fixada no entorno do centro educacional do estabelecimento

Após a ciência já ter sido utilizada para tantos fins negativos, como para a realização da Segunda Guerra Mundial, bem como a explosão da bomba atômica no Japão, é chegada a hora de dar um basta nessa realidade. Para tanto, foi estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 2001, o Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento. A data é comemorada no Brasil desde o ano de 2005 e a data instituída é a de hoje. De modo a tornar este dia 10 mais dinâmico, o Espaço Ciência irá realizar atividades no local para os visitantes. Ainda haverá uma faixa branca no entorno do centro educacional do estabelecimento, a fim de que as pessoas deixem mensagens de paz.

No Espaço Ciência, a data já é celebrada há três anos. “Queremos, acima de tudo, destacar o papel da ciência para construir o bem estar social e da paz. A ciência utilizada para a guerra e para a destruição deve ser repudiada”, atestou o diretor do Espaço Ciência, o professor Antônio Carlos Pavão. “Estaremos reforçando as atividades cotidianas do espaço, com mais monitores, para oferecer oportunidade de todos usuários participarem”, anuncia. Uma faixa com mais de 100 metros de extensão foi fixada no local e quem desejar pode escrever alguma mensagem sobre o dia de hoje. Depois de preenchida, a faixa irá continuar exposta no local.

Outro serviço é a prática do Arvorismo, junto ao Corpo de Bombeiros. A brincadeira, que dura, em média, meia hora, não funciona aos fins de semana, normalmente. Mas, desta vez, será diferente. Os participantes podem subir nas árvores, de modo a ultrapassar determinados obstáculos. A terceira atividade é o “Vista-se de Einstein pela Paz”. “As crianças e, os adultos mesmo, podem vestir uma bata e colocar a máscara de Einstein, para brincarem de cientista”, contou o diretor Antônio Carlos. As duas últimas brincadeiras duram cerca de 15 minutos.

Fonte: Portal da Folha de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *