PRATA E BRONZE NA ONNeQ

Pernambuco leva sete medalhas na Olimpíada Norte-Nordeste de Química: quatro de prata e três de bronze

Pernambuco garantiu sete medalhas na XXV Olimpíada Norte-Nordeste de Química. Foram quatro medalhas de prata e três de bronze, com destaque para o aluno, do Colégio Militar do Recife, Eduardo Bezerra Robalinho Dantas da Gama, que foi o mais bem classificado do estado. A etapa regional das Olimpíadas de Química foi realizada por cinquenta representantes de Pernambuco, no mês de maio. Confira o nome, escola e pontuação dos premiados:

MEDALHAS DE PRATA

  • Eduardo Bezerra Robalinho Dantas da Gama, Colégio Militar do Recife: 83,98
  • Pedro Felipe Silva Batista, Colégio de Aplicação: 82,65
  • Rafael Cangussu Ferreira, Colégio GGE: 81,31
  • Ilo de Vasconcelos Ximenes Júnior, 3º Milênio Colégio e Curso: 79.98

MEDALHAS DE BRONZE

  • Michel Guega Silva Bezerra, Colégio Santa Maria: 66,65
  • Esdras Cavalcante de Almeida, Colégio Motivo: 66,65
  • Paulo César Rezende de Oliveira Filho, Colégio Santa Emília: 65,32

OBQ – Neste sábado (24), é a vez dos estudantes realizarem a prova escrita da III Fase da XXIV Olimpíada Brasileira de Química – OBQ 2019. De Pernambuco, 63 estudantes participam deste etapa. Serão 56 alunos do Ensino Médio, selecionados entre as escolas melhor classificadas na OPEQ 2017, e outros sete estudantes classificados na Olimpíada Brasileira de Química Júnior.

A prova tem início às 14 horas, horário oficial de Brasília, nas dependências do Centro de Ciências Sociais Aplicadas- CCSA (UFPE), ( salas B-5, B-6, B-7). Os candidatos deverão chegar ao local da prova com, no mínimo, 40 minutos de antecedência, portando documento oficial com foto e caneta esferográfica azul ou preta, fabricada em material transparente.

Será permitido o uso de calculadoras, inclusive científicas. Porém, não é permitido o uso de calculadoras programáveis de qualquer tipo e o uso de demais equipamentos eletrônicos como smartphones, tablets e notebooks. Também não serão permitidas consultas aos colegas ou a outros materiais que não façam parte do exame. A prova terá duração máxima de quatro horas.

OPEQ – Já a Olimpíada Pernambucana de Química (OPEQ), que é seletiva para a Olimpíada Norte-Nordeste e Brasileira,  teve 25.802 estudantes, de 212 escolas em 78 municípios do estado, inscritos para a primeira fase. Todos eles realizarão esta primeira etapa de 23 a 27 de setembro, nas próprias escolas. Serão definidos cinco estudantes, de cada série do Ensino Médio, que participarão da segunda etapa, no dia 23 de novembro.

CONFIRA A LISTA DE MUNICÍPIOS INSCRITOS NA OPEQ

Confira o cronograma

  • 23 a 27/09– Olimpíada Pernambucana de Química – OPEQ, I fase
  • 01 a 15/10 – Inscrição na segunda etapa
  • Até 08/11 – Divulgação dos locais de prova
  • 23/11– Olimpíada Pernambucana de Química – OPEQ, II fase
  • 18/12– -Solenidade de premiação OPEQ

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *