ECLIPSE LUNAR DE PERIGEU

De 20 a 21 de janeiro, a Lua estará no ponto mais próximo da Terra e será totalmente encoberta pela sombra da Terra

O Observatório Astronômico do Alto da Sé vai abrir em horário especial entre os dias 20 e 21 para observação do Eclipse Total da Lua. A partir das 20h do domingo (20) até 3h da madrugada seguinte, a equipe estará com telescópios e lunetas disponíveis para quem quiser acompanhar o fenômeno. No Recife também teremos um ponto de observação no Parque Dona Lindu em Boa Viagem, onde o eclipse terá início às 23:37h do domingo, atingindo o ponto culminante às 2:12h da segunda. A iniciativa é uma parceria do Espaço Ciência e a Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE, através do projeto de extensão “Desvendando o Céu Austral”, que iniciará as atividades às 17:30h com observações e lançamento de foguetes. 

Para abrilhantar o fenômeno, no dia 21 a lua estará em Perigeu – ponto de maior proximidade com o centro da Terra. Por conta disso, estará 14% maior e 30% mais brilhante. 

O eclipse lunar ocorre quando a Terra está entre a Lua e o Sol. Quando ocorre um perfeito alinhamento entre os três, o eclipse é total.

O momento culminante ocorre quando a Lua entra na chamada região de Umbra, ou seja, fica totalmente encoberta pela sombra da Terra. No entanto, como a luz do Sol não é totalmente bloqueada durante o eclipse, a faixa do espectro visível, que se aproxima ao vermelho, chega a superfície da Lua e deixa o nosso satélite natural avermelhado (dispersão de Rayleigh).

Esse eclipse lunar total poderá ser visto de todo o Brasil, assim como de toda a América do Sul, América Central e América do Norte. Já parte da África e Europa poderão observar o eclipse de forma parcial.

CALENDÁRIO ASTRONÔMICO – Em 2019, haverá cinco eclipses, três solares e dois lunares. Mas apenas serão visíveis na América do Sul este eclipse Lunar Total; um eclipse solar no dia 2 de julho; e um eclipse parcial da Lua, de 16 a 17 de julho.  

Além destes, um eclipse solar parcial já ocorreu de 5 a 6 de janeiro – visível no Leste da África e Oceano Pacífico e um eclipse solar anular será visível, no dia 26 de dezembro, no leste da Europa, e parte da Ásia, Austrália, África, Oceano Pacífico e Índico.

Outro fenômeno astronômico que será visível na América do Sul é o trânsito do planeta Mercúrio entre o Sol e a Terra. No fenômeno, que acontece no dia 11 de novembro, Mercúrio é visto como um pequeno ponto escuro movendo-se pelo disco solar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *